Abu Dhabi, Abu Dhabi, Ásia, Destinos, Emirados Árabes, Variados

Abu Dhabi | Emirados Árabes

29 abr 2019

vista mesquita hotel abu dhabiNesse post você vai achar dicas e informações super completas para montar seu roteiro para Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. Um super guia com informações do que fazer, as principais atrações, onde se hospedar, transporte (como se locomover, o que vale mais a pena), um pouco da cultura, dos costumes e da religião.

. . . . . . . . . . . . . .

SOBRE OS EMIRADOS ÁRABES

Os Emirados Árabes Unidos são um país árabe, localizado no Golfo Pérsico, formados por uma confederação de monarquias, cada uma detendo sua soberania, chamadas emirados (equivalentes a principados). O país é composto por sete emirados. São eles: Abu Dhabi, Dubai, Xarja, Ajmã, Umm al-Quwain, Ras al-Khaimah e Fujeira. 

Antes de 1971, os Emirados Árabes Unidos eram conhecidos como Estados da Trégua, em referência a uma trégua do século XIX entre o Reino Unido e vários sheiks árabes. O nome Costa Pirata também foi utilizado em referência aos emirados que ocupam a região do século XVIII até o início do século XX. O islamismo é a religião oficial e o idioma árabe, a língua oficial.

mapa mundi abu dhabi

Os Emirados Árabes ficam na Ásia e fazem fronteira com Omã e Arábia Saudita

Os Emirados Árabes Unidos têm a sexta maior reserva de petróleo do mundo e possuem uma das mais desenvolvidas economias do Oriente Médio.  [Fonte: Wikipedia]

SOBRE ABU DHABI

Abu Dhabi é a capital dos Emirados Árabes e também o maior de todos os emirados com uma área de 67 340 km², equivalente a 86,7% da área total do país, excluindo as ilhas. Tem um litoral que se estende por mais de 400 quilômetros e é dividido para propósitos administrativos em três regiões principais.

O líder político dos Emirados Árabes Unidos reside nesse mesmo local. Os edifícios parlamentares nos quais o Gabinete Federal se encontra, a maioria dos ministérios federais e instituições, embaixadas estrangeiras, instalações de radiodifusão estatais e a maioria das companhias de petróleo também ficam situadas em Abu Dabi, que também é a casa da Universidade de Zayed e as Faculdades de Altas Tecnologia. Instalações de infraestrutura principais incluem Mina (Porto) Zayed e o Aeroporto Internacional de Abu Dhabi.

abu dhabi roteiro dicas

Aqui dá pra ver bem a divisão da parte principal da cidade.

A cidade também tem extensos espaços culturais, de desporto e instalações desocupadas, junto com o Abu Dhabi Corniche, o famoso calçadão, que oferece muitos quilômetros de passeios seguros e ciclismo, ao longo da beira-mar de Abu, ilha de Dabi. A cidade também tem uma arquitetura fascinante, onde foram preservados edifícios mais velhos como mesquitas pequenas, que se situam confortavelmente na sombra de arranha-céus modernos e futurísticos. Abu Dhabi, cresceu muito nos últimos anos, devido ao petróleo. Sedia, desde 2009, uma das etapas do Campeonato Mundial de F1. [Fonte: Wikipedia]

COMO CHEGAR

Chegar em Abu Dhabi está cada vez mais fácil. Hoje, a cidade é o hub de umas das maiores companhias aéreas dos Emirados Árabes, a Etihad Airways. Então, todos os voos dessa cia aérea saindo de qualquer lugar do mundo param lá.

Outra opção é voar de Emirates para Dubai e ir até Abu Dhabi de carro, que foi o que fizemos. A viagem de uma cidade a outra dura algo em torno de 1h15 sem trânsito e é super tranquila. Uma linha reta, sem buracos, com carros incríveis andando a 140km/h.

Claro que além dessas companhias esses aeroportos recebem vôos de outras cias aéreas, como Alitália (saindo de Roma), British (saindo de Londres), KLM (saindo de Amsterdam), Air France (saindo de Paris), Malasian Airlines (saindo de Singapura), American Airlines (saindo dos Estados Unidos)… se você preferir voar com alguma cia diferente, certamente não será um problema.

VISTO

Atualmente isso não é um problema para os brasileiros. Se você for ficar menos de 90 dias nos Emirados Árabes não precisa se preocupar com visto pois a entrada é liberada. Isso serve para Abu Dhabi, para Dubai e para qualquer outro Emirado que você for visitar.

QUANTO TEMPO FICAR

Assim como eu, muita gente passa apenas um dia em Abu Dhabi, seja em um stopover da Etihad/Emirates ou em um bate e volta de Dubai. Honestamente? É muito pouco tempo. Se você puder, eu recomendo que você fique pelo menos dois dias inteiros na cidade. Dessa forma vai conseguir aproveitar com mais calma as atrações e conhecer melhor os lugares que a cidade oferece. E acredite, são muitos lugares interessantes para conhecer por lá.

Acho que a programação ideal são 2 dias em Abu Dhabi, 2 dias em Dubai e 2 dias em um hotel no Deserto. Acho que dessa forma a programação dos Emirados fica super completa. Mas claro que tudo vai depender da programação que você quer fazer.

teto louvre abu dhabi

Com o teto maravilhoso do Louvre

MELHOR ÉPOCA PARA IR

Sem dúvidas o inverno é o melhor período para conhecer os Emirados Árabes em geral. De novembro a março, as temperaturas ficam mais amenas (entendam por volta de 28º/30ºC) e é muito mais agradável passear pela cidade. Por esse motivo, essa é também a alta temporada por lá.

No verão as temperaturas alcançam facilmente os 40ºC e a sensação térmica pode ficar bem superior a isso, ou seja, bastante desagradável andar na rua.

Nós fomos em abril e pegamos ótimas temperaturas. Passei o dia de vestido longo e não passei sufoco. Claro que estava abafado, mas foi totalmente suportável. Tivemos uma experiência beeeem diferente quando visitamos Dubai a primeira vez em junho. O calor era tanto, que não conseguíamos fazer fotos com a máquina porque absolutamente todas as vezes a câmera dava problema por conta do calor.

piscina hotel abu dhabi

Deu pra curtir super bem a piscina com vista linda do Shangri-la

VACINA DE FEBRE AMARELA

Depois do surto que tivemos aqui e dessa confusão que fica essa questão da vacina pra muita gente, os próprios funcionários da cia aérea, no Brasil mesmo, conferem se está tudo ok antes de fazer seu check in e despachar as malas. Mas é importante lembrar que o certificado não é obrigatório para quem viaja para os Emirados Árabes. Ou seja, ninguém pode te barrar pela falta de apresentação dele.

De qualquer forma, se você já tem o seu comprovante, tenha ele em mãos e lembre-se que agora as vacinas valem pra vida toda e que o atestado do posto de saúde confirmando que você tomou a vacina não é válido. Você precisa emitir no posto da Anvisa ou pela internet um Certificado Internacional de Vacinação. Se quiser saber mais sobre Febre Amarela e sobre o CIV clique aqui.

COMO SE LOCOMOVER

Essa era uma grande dúvida que eu tinha antes de ir e esclareci com muita tranquilidade por lá. Como fazer para ir de um lugar ao outro? Qual a melhor opção? Quanto custa?

Eu usei táxi todas as vezes que precisei por um motivo simples: eu tinha pressa de chegar e sair dos lugares. Mas não acho que é uma opção super barata não. As corridas começam em EAD5 e o mínimo que você vai pagar é EAD12. Elas custaram em média EAD40, cada. Uma coisa bacana: todos os taxistas que pegamos falavam inglês e tinham uma gravação no carro em inglês também pra facilitar o entendimento das coisas.

taxis abu dhabi

Os taxis são novos e os motoristas tem um programa que passa em inglês algumas informações para os passageiros. Foto: CN Agency

Outra opção que vimos muito por lá são os ônibus dos hotéis. Quase todos os hotéis oferecem transporte para os principais pontos turísticos da cidades. Em geral eles têm 2 horários de saída do hotel e vão deixando os turistas nos locais marcados. Esse transporte é gratuito e bem interessante. O problema dele é que normalmente você só pode pegá-lo no hotel, ou seja, depois que chega no seu primeiro ponto tem que “se virar” pra ir embora ou para mudar de atração.

O transporte público existe lá, mas achei bem escasso e difícil de utilizar. Não recomendaria essa opção a não ser que você tivesse muito tempo na cidade ou realmente precisasse fazer uma viagem bastante low cost.

A melhor opção, na minha opinião, é alugar um carro. As estradas e ruas são perfeitas, super bem sinalizadas e certamente você vai gastar bem menos (ou ter muito mais conforto) do que nas opções acima. Eu normalmente alugo com a RentCars e gosto muito. Eles pesquisam várias empresas do mercado e te dão os melhores preços. Certamente se eu ficasse mais tempo teria alugado um carro.

DICA: Se você voar de Primeira Classe ou Business da Etihad ou da Emirates, as cias aéreas te dão como cortesia o transfer privado de ida e volta no trajeto aeroporto/hotel/aeroporto, seja aonde for o seu hotel. Ou seja, se você chegar em Dubai e estiver hospedado em Abu Dhabi, tem o transfer garantido. Se você estiver hospedado no hotel do deserto, também. Uma boa economia, infelizmente aplicada apenas aos passageiros de primeira classe e business. hehehehe

mesquita sheik zayed abu dhabi

Uma das mais de 500 fotos que tiramos na mesquita, que é linda de morrer!

SEGURO VIAGEM

Como eu sempre falo por aqui, é melhor prevenir do que remediar. Não tem porque viajar nos dias de hoje sem ter contratado um seguro viagem de uma empresa de confiança. Sei que muita gente acha que o seguro do cartão de crédito é ótimo e resolve o problema, mas na hora H, com eles você sempre passa aperto, tem que pagar a conta toda e depois é reembolsado… sendo que esse depois, só Deus sabe quando chega.

Dessa vez não foi diferente e nós fizemos um seguro com a Real. Eu gosto de fazer com eles porque comparo os melhores preços e coberturas para a minha viagem, e escolho aquele que vai me atender melhor seja em cobertura, em preço ou nos dois.

Pra vocês terem ideia, eu estava tão enrolada que acabei esquecendo e fiz o seguro, literalmente, 10min antes de sair de casa pro aeroporto e tudo certo. Sem problemas. Eles dão cobertura médica mas também ajudam em caso de extravio de malas, roubo/perda de documentos… eu gosto muito e nunca tive problemas. [Clique aqui e faça sua comparação]

SEGURANÇA

Você não precisa se preocupar com esse assunto. Abu Dhabi é completamente segura. Não me senti em risco em nenhum momento, por nenhum motivo. Andei por todos os lugares, peguei taxis, passeei no shopping… a cidade é 100% segura. Não tenha medo e não se preocupe com isso.

RELIGIÃO E COSTUMES

Os Emirados Árabes são um país de maioria islâmica. Isso significa que os costumes são muito diferentes dos nossos. É importante lembrar disso ao se vestir, ao se portar e também na hora de arrumar a mala.

Evite roupas curtas ou justas demais e peças que mostrem muito o corpo. Principalmente decotes. Eles realmente acham isso muito desrespeitoso. Apesar de Abu Dhabi ser uma cidade super internacional, não custa evitar trajes que chamem muito a atenção ou que possam ofender de alguma forma os locais.

louvre abu dhabi

De vestido longo com mangas compridas. Levei uma pashimina na bolsa para cobrir o pequeno decote do colo e o decote das costas caso fosse necessário.

Outra coisa que é importante se atentar é ao fato de que nos locais públicos como aeroportos, shoppings… o ideal é que o casal não fique trocando carinho publicamente. Eles veem isso de forma desrespeitosa e podem chamar a sua atenção.

Como falei acima, claro que hoje as coisas são muito mais lights e tranquilas, afinal, Abu Dhabi é uma cidade super internacional, mas acredito que se você está indo para um lugar onde a religião e os costumes são tão apreciados, não custa fazer um esforço para se enquadrar durante o período em que você estiver visitando a cidade né?

ONDE FICAR

Essa é uma decisão que em geral eu levo muito tempo para tomar, pesquiso MUITO, analiso cada hotel, sua localização, prós e contras… mas com Abu Dhabi foi muito fácil tomar essa decisão. Quando percebemos que na prática tínhamos praticamente apenas um dia na cidade e que as distâncias eram muito grandes, resolvi ficar perto da atração que eu mais queria conhecer, que era a mesquita. E foi uma escolha muito acertada pra gente.

praia hotel abu dhabi

Na praia do hotel, de frente para a mesquita.

vista hotel abu dhabi

A vista do meu quarto. Nada mal né?!

Shangri-lá Abu Dhabi: Foi o hotel que escolhemos e assumo que fizemos isso por um único motivo: a linda vista para a mesquita. Claro que já sabíamos da excelência da rede Shangri-lá, mas sem sombra de duvidas à vista era nosso grande atrativo. E em nenhum segundo nos arrependemos disso. Aquela vista da piscina, do café da manhã, do bar, dos restaurantes e da nossa varanda (!!!), vale cada centavo.

O hotel em si era ótimo, como era de se esperar. O quarto era excelente, com cama grande e muito confortável, banheira, chuveiro e uma varanda muito agradável de frente para a mesquita.

Acabamos aproveitando até mais do que imaginávamos porque fomos a piscina no primeiro fim de tarde admirar o pôr do sol de dentro da piscina de borda infinita olhando para a mesquita e na noite seguinte jantamos no bar da piscina, também com a vista deslumbrante que queríamos. O café da manhã, incluído na diária, também era muito bom e farto. Adoramos! Foi uma ótima escolha.

quarto hotel abu dhabi

Não tirei foto do quarto, mas o meu era idêntico a esse, com vista para a praia e para a mesquita. Lindo! Foto: Booking.com

piscina hotel abu dhabi

O prédio principal do hotel iluminado, visto da piscina de borda infinita. Foto: Booking.com

Ainda nessa região perto da mesquita você encontra outras opções mais luxuosas como o Ritz-Carlton e o Fairmont.

Uma outra região que eu acho que vale super a pena se hospedar é na ilha de Yas. Afinal, é por lá que ficam concentradas a grande maioria das atrações da cidade. O hotel mais badalado de lá é o luxuosíssimo Viceroy – Yas Hotel, que é praticamente um ponto turístico da ilha com seu design moderno misturado ao mar do golfo e as pistas de corrida. Se você quer ficar por lá, mas não quer gastar tanto, ainda tem outras opções como: Radisson Blu, Park Inn by Radisson, Crowne Plaza e Yas Island Rotana.

Outra boa pedida no quesito hospedagem são os hotéis na beira da praia ou no famoso Corniche. A localização é ótima e você encontra hotéis dos mais variados preços. Minhas sugestões nessa área são: Sofitel, Le Royal Meridien, Sheraton e Ramada Corniche . Se você estiver podendo gastar e quiser uma experiência totalmente luxuosa e das arábias, pode se hospedar no Emirates Palace, o hotel que inspirou o hotel 6 estrelas do filme do Sex and the City.

hotel no deserto abu dhabi

hotel no deserto abu dhabi

hotel no deserto abu dhabi

hotel no deserto abu dhabi

Fotos do hotel no deserto. Ixalá! Fotos: Booking.com

Uma outra experiência muito bacana e diferente é se hospedar em um hotel no deserto. Recomendo que você fique pelo menos 2 noites para curtir essa experiência. Um dos mais legais é o Anantara Qasr al Sarab Desert, um super resort de luxo no meio do deserto.

O QUE FAZER + ROTEIRO DE 24H EM ABU DHABI

Infelizmente passei apenas um dia na cidade então vou colocar aqui pra vocês o meu roteiro e toda a minha programação de um dia e alguma outras coisas que infelizmente eu não consegui fazer dessa vez.

Uma dica que eu já posso adiantar é: fique atento ao dia da semana que você vai estar na cidade. Nós só tínhamos a 6a feira, que pra eles funciona como domingo. Apesar de não termos tido nenhum problema com lugares fechados, é importante ficar atento ao horário de funcionamento das coisas. A mesquita, por exemplo, só abre para visitação às 16h30 nas sextas, portanto estava super lotada quando fomos. Certamente seria melhor visita-lá outro dia se fosse possível.

roteiro 1 dia abu dhabi

Minha programação ficou assim:

  • Emirates Palace
  • Louvre
  • Ferrari World
  • Yas Mall
  • Sheikh Zayed Mosque

Consegui encaixar tudo no meu dia por vários motivos, mas o principal é porque sabíamos que estávamos com a programação apertada e tivemos que correr um pouco além do normal. Mas vamos falar das atrações em si para vocês se organizarem direitinho.

  • Sheikh Zayed Mosque

A mesquita levou quase 10 anos para ser construída e foi uma ideia do Sheikh Zayed. Ele criou o espaço não apenas para ser um centro religioso onde as pessoas pudessem fazer suas orações, mas também para ser um local que pudesse unir a diversidade cultural do islamismo com valores históricos e modernos de arquitetura e arte. O arquiteto sírio responsável pela construção não poupou espaço e dinheiro. A mesquita ocupa uma área de 12 hectares (sem contar o paisagismo e área externa) e foi toda feita em mármore, ouro e pedras semi preciosas. Um outro dado curioso é que a mesquita abriga o maior tapete inteiro do mundo. Ele mede 5.627 m², e foi feito por cerca de 1.200 – 1.300 atadores de carpete. Pesa 35 toneladas e levou aproximadamente dois anos para ser concluído.

mesquita sheik zayed abu dhabi

mesquita sheik zayed abu dhabi

mesquita sheik zayed abu dhabi Sem dúvidas a principal atração da cidade. Portanto ela tem que estar na sua lista de visitação em primeiro lugar. Se você tiver bastante tempo na cidade recomendo que você visite a mesquita algum dia na parte da manhã ou início da tarde e um outro dia a noite. Ela também fica linda iluminada. Ou pode fazer como eu, que cheguei lá às 16h30 e fiquei até as 18h15 e consegui fazer algumas fotos com as luzes acesas (mas ainda não é a mesma coisa que a noite mesmo, com ela toda iluminada!).

Para entrar na mesquita você precisa estar vestido de acordo. Homens usando calças e ombros cobertos (eles até deixam homem de bermuda caso a bermuda esteja no joelho ou abaixo, que foi o caso do Alexandre) e mulheres completamente cobertas. Ou seja, vestidos longos de manga comprida e sem decote, ou calças e camisas de manga comprida. Se você não estiver vestida de forma apropriada eles emprestam um abaya para as mulheres (uma espécie de vestidão longo com capuz) e um vestido masculino para os homens.

mesquita sheik zayed abu dhabi

mesquita sheik zayed abu dhabi

Lembre-se de verificar os horários de funcionamento da mesquita e de estar com a máquina fotográfica carregada, você vai ficar enlouquecido. O lugar é lindo demais! Ah! A entrada é gratuita.

  • Emirates Palace

Um dos hotéis mais luxuosos do mundo aceita visitas. Se você quiser ir tirar algumas fotos, conhecer o hall do hotel ou tomar um café com ouro, essa é a sua oportunidade.

Apesar de ser apenas um hotel eles também têm um dress code para entrar e homens não podem estar de bermuda e mulheres não pode estar com pernas e ombros de fora. Diferente da mesquita por lá eles não tem roupas para te emprestar e você será barrado. Foi o que aconteceu com a gente.

Emirates Palace Abu Dhabi

Emirates Palace visto de fora

Emirates Palace Abu Dhabi

Área interna do Emirates Palace. Fotos: Telegraph.uk

Outra informação que não sabíamos é que o hotel tem também um horário de visitação que é liberado para os turistas. Ou seja, não adianta aparecer lá na porta do hotel. Tem que checar o horário de funcionamento deles antes de fazer a visita.

  • Louvre Abu Dhabi

Uma parada imperdível para quem ama museus. A primeira filial do famoso museu parisiense inaugurou em outubro de 2018 sua nova casa, dessa vez em Abu Dhabi. O museu tem uma arquitetura impressionante. Parece que está surgindo das águas. Outra coisa que chama muito atenção é o teto que cobre o museu, uma verdadeira obra de arte.

Boa parte do acervo do Louvre de Paris que não está sendo usado lá é exposta aqui. Além da galeria com as obras de arte ficas, eles fazem exposições temporárias. Agora quando fomos estava tendo uma sobre Rembrant e uma outra pequena sobre Mangá.

Outra coisa bem bacana a respeito do museu é a valorização da criança. Eles são super kids friendly e fazem questão de ver as crianças por lá, inclusive tem um museu infantil lá dentro. Super bacana.

Uma dica valiosa paramos amantes de artes: diariamente eles oferecem dois tours gratuitos pelo museus com um especialista que vai falar um pouco sobre as obras e as exposições que estiverem acontecendo no momento. Verifique no site os horários disponíveis.

Louvre abu dhabi

Louvre abu dhabi

O Louvre é, sem dúvidas, uma parada imperdível na cidade.

As entradas no museu são pagas e os ingressos de adulto custam EAD 63. Crianças até 13 anos não pagam e de 13 a 22 anos pagam meia entrada. Residentes e idosos têm desconto no ingresso. Você pode comprar seu ticket na bilheteria mesmo ou se preferir pode fazer a compra pela internet.

  • Ferrari World

O parque temático da Ferrari é uma das grandes atrações de Yas Island, uma espécie de bairro de Abu Dhabi. A ilha abriga também o Yas Mall, o Warner Bros Park e o Yas Waterworld, o parque aquático.

O parque da Ferrari é um parque de diversões completamente voltado para o universo da Escuderia Italiana. São ao todo 30 brinquedos sendo 3 grandes montanhas russas (uma delas a mais rápida do mundo e a outra com o looping mais alto), alguns simuladores e outros brinquedos relacionados ao mundo da Fórmula 1. Tem atividade para todas as idades, desde os pequenininhos até os adultos.

Ferrari World Abu Dhabi

Clique para ampliar.

As que eu recomendo são:

– “Radicais”: as 3 montanhas russas, o simulador de corrida (pago a parte) e a experiência como piloto de testes.
– Tranquilos: o simulador em 4D e o Italian Voyage. Se topar pagar um extra o Kart pareceu bem legal.

Não fomos a todos os brinquedos mas curtimos os que fomos. O parque é pequeno e se não estiver cheio você consegue ir a todos os brinquedos em 4h tranquilamente.

Uma dica boa aqui é deixar para comprar o quick pass dentro do parque, apenas se você achar necessário. O quick pass é como o fastpass da Disney, uma pulseirinha que te dá direito a não ficar na fila em nenhum brinquedo. Você pode comprar ele quando estiver comprando o ticket na bilheteria ou pode comprar dentro do parque quando já estiver curtindo os brinquedos. Uma ótima ideia porque aí você só compra se houver realmente necessidade e se perceber que o parque está cheio demais.

Ferrari World Abu Dhabi

A felicidade da pessoa depois de sair da montanha russa mais rápida do mundo

Ferrari World Abu Dhabi

A pista de kart, uma das atrações mais procuradas do parque

Por falar em tickets, você pode comprar pelo site com antecedência (e com um desconto de EAD 60) ou comprar na entrada do parque. Adultos pagam AED 295 comprando com antecedência pelo site e crianças menores de 2 anos não pagam. Outra dica legal é: se você vai a mais de um parque, vale a pena comprar pela internet os ingressos pois eles tem algumas promoções como 2 parques em 1 um dia ou 2 parques em 2 dias, em que os ingressos saem bem mais baratos do que se comprados separadamente. Fica a dica!

A Ferrari World fica no complexo de entretenimento da ilha Yas. De lá, você consegue entrar no Yas Mall diretamente se quiser. Foi o que fizemos. Demos uma voltinha no shopping pra conhecer, comprar umas coisinhas e seguir nosso caminho.

Esse foram os passeios que eu consegui fazer em um dia. Não nego que ficou meio corrido, mas preferi fazer assim do que não fazer algum desses que eu queria muito. Mas se você tem mais tempo na cidade eu recomendo que você também visite as seguintes atrações:

  • Hermitage Village: É como se fosse um museu que mostra pra você os hábitos e costumes legítimos dos Emirados Árabes. Lá dentro tem residências, uma mesquita, um souk/mercado tradicional e até um acampamento. Fica pertinho (porém não dá pra ir andando) do Emirates Palace e a entrada é gratuita.
  • Warner Bros Park Theme: Queria muuuuuito ir nesse parque de diversões. Tem vários brinquedos super bacanas e como era de se esperar tudo relacionado com o mundo da WB. Tem a terra dos Flinstones, do Batman, dos cartoons… muito legal. Assim como no Parque da Ferrari, os ingressos custam EAD 295/adulto.
Presidencial Palace abu dhabi

O lindíssimo Presidencial Palace. Foto: thenational.ae

  • Presidencial Palace: O palácio presidencial abriu suas portas aos visitantes agora em março de 2019 pela primeira vez. O lugar é lindíssimo. Gostaria muito de ter tido mais tempo para poder conhecê-lo. Sem dúvidas, não pode ficar de fora da sua lista de lugares a visitar na cidade.
  • Yas Waterpark: Um parque aquático com mais de 40 atrações. Uma excelente pedida para refrescar no calorão que faz por essas terras e uma boa pedida para quem vai com os pequenos também.
  • Corniche: Nada mais é do que o calçadão da cidade. Você vai passeando a beira mar, olhando a orla, o skyline, os muitos prédios que ficam de frente para o mar. Nós passamos pelo corniche mas não saímos do carro para andar nele. Se você tiver tempo, vale a pena.
  • Yas Central: Toda aquela experiência incrível de Formula 1, você pode conseguir no Yas Central. Lá eles organizam diversas atividades relacionadas ao assunto. Desde ver o backstage de uma corrida, aonde ficam os carros, como os boxes… até uma volta, em alta velocidade, em um carro de corrida de F1 de verdade! Lembre-se de reservar com antecedência.

Lembre-se de ver o horário de funcionamento de todos os pontos turísticos que você quer visitar. Além do horário de abertura e fechamento variar de acordo com o dia da semana, em alguns dias algumas atrações não funcionam ou abrem em horários alternativos.

restaurante hotel abu dhabi

Perdoem a cara de exausta, mas essa foto valia vir pra cá. Olha essa vista!!

RESTAURANTES/ONDE COMER

Na verdade eu nem ia colocar esse item aqui, mas achei que valia a pena apenas para mostrar algumas opções que talvez vocês nem imaginem que podem encontrar em Abu Dhabi e outras que são bem bacanas e podem valer a sua visita:

  • Nusr Et: O restaurante que ficou famoso por ser comandado pelo Salt Bae, o chef que joga sal na comida com o punho virado e é hit na internet. A comida é muito boa, mas é um restaurante mais carinho. Ainda assim, se você curte um espetáculo, talvez seja uma boa pedida.
  • Cheesecake Factory: Você pode encontrar uma filial da rede de comida americana no Yas Mall. Pra quem quer uma comidinha com ares de confort food e a melhor cheesecake de oreo do mundo, esse é pra você.
  • Pool Bar do Shangri-la: Quer comer de frente para a mesquita? O Pool Bar do hotel Shangri-la é pra você. Nós acabamos jantando por lá na ultima noite em Abu Dhabi e adoramos a vista. As comidas são bem simples, mas a vista recompensa.
  • Atayeb: Um dos restaurantes do Hotel Yas. Ele é de culinária árabe/libanesa e tem uma vista linda para o circuito do Grand Prix, para a Marina de Yas e claro, para a linda arquitetura do hotel. Combine um jantar nesse hotel com um pulinho no bar moderninho da cobertura e aproveite para admirar toda a parte interna do Yas Hotel.
  • Cipriani: Se você quer um restaurante renomado e conhecido, em Abu Dhabi também tem. O Cipriani também fica na ilha de Yas e é uma ótima pedida se você quiser um italiano gostoso e famosinho.

COMO SE VESTIR

Como falei acima, a religião deles é muito forte e imponente e isso afeta diretamente o seu modo de se vestir. Claro que por ser uma cidade mais moderninha e internacional você tem muito menos limitação do que outros países islâmicos, mas ainda assim, se estamos na casa deles, não tem porque não seguir as “regras” deles e fazer boas escolhas na hora de se vestir.

mesquita abu dhabi

Na mesquita precisei colocar uma abaya mesmo estando de vestido comprido por causa do colo e do decote nas costas.

Recomendo que as mulheres cubram sempre os joelhos e os ombros e os homens estejam sempre de calça e camiseta que não mostre os ombros também. Isso é uma forma respeitosa de a dar na rua e em lugares públicos. Não que não possa usar outras roupas, mas você pode ser barrado de entrar em alguns lugares, como aconteceu com a gente no Emirates Palace porque o Alexandre estava de bermuda.

Portanto, pense nisso quando estiver arrumando a mala e organizando a sua programação na cidade. O lugar é quente, faz muito calor e no final temos que colocar bastante roupa. Ou seja, pense em tecidos mais frescos e roupas leves. Se for mulher, ter sempre um lenço na bolsa pode ser uma boa pedida para cobrir a cabeça ou os ombros se optar por sair com uma blusa mais fresquinha.

INTERNET

Como era de se esperar ficar conectado nos hotéis é bem tranquilo. Todos oferecem Wi-Fi razoável e você consegue ver WhatsApp, postar algumas fotos no Instagram ou checar os e-mails. Mas com esse Wi-Fi você vai ter dificuldade para fazer chamadas de áudio e vídeo e também para fazer downloads de arquivos muito pesados.

Na rua quase não achamos Wi-Fi, mas eu estava com o chip internacional da EasySim4U e foi ótimo. Fiquei 100% do tempo conectada, sem nenhuma dificuldade. Usamos para pesquisar, ver mapas, postar fotos e fazer todos os stories que vocês viram e até para fazer ligações de vídeo para a Vic. Fiquei muito satisfeita com o chip. Comprei no Brasil mesmo, recebi super rápido e troquei dentro do avião quando pousamos em Dubai. O chip funcionou muito bem em Dubai, Abu Dhabi, Omã e Maldivas. [Clique aqui para ver os preços dos pacotes].

chip internacional viagem

O chip que eu usei, ainda aqui em casa, quando recebi.

DÁ PRA IR COM CRIANÇA?

Apesar de ter ido sem a Victoria, acho sim que Abu Dhabi é super kids friendly e iria facilmente com ela. A cidade é completamente preparada para receber os pequenos. Claro, que por lá, você tem que dançar conforme a música deles, então, se quiser amamentar, por exemplo, não pode fazer isso no meio da rua. Mas não se preocupe, por que eles também pensam em você e colocam salinhas de amamentação em todos os lugares.

Nos locais públicos como shoppings e pontos turísticos, você tem espaços infantis como cadeirinhas, microondas, banheiro para os pequenininhos e em alguns lugares até espaço para você dar um banho no seu filho. Totalmente adaptados para receber os pequenos viajantes.

Em termos de atrações, bom, como vocês viram tem muita coisa legal para as crianças. Praias, parques aquáticos, museus com espaço infantil… o que não faltam são atividades. Nos restaurantes você também encontra sempre uma opção de menu infantil com comidinha básica (daquelas bem americanizadas como nuggets, mac´n´cheese, pasta com molho de tomate, legumes…).

por do sol abu dhabi

O pôr do sol do Hotel Shangri-la

A única coisa que pesou pra mim, e acho que poderia pesar para uma criança foi o fuso horário. Eu fiquei completamente doida com o fuso e levei quase 4 dias para me adaptar completamente. Lá são 8h a mais, ou seja, é puxado. Principalmente nos primeiros dias, que o vôo sai do Brasil de madrugada, você voa 14h e chega lá 22h. Hora de dormir. Isso faz a criança ficar meio confusa (eu fiquei!), mas nada que alguns dias e noites confusas não façam com que ela entre no horário local.

DICAS E OUTRAS INFORMAÇÕES:

  • Se você está indo para os Emirados com um drone na mala é importante saber que o governo local não permite vôos com drone por lá. Inclusive, pode acontecer do seu drone ser apreendido no aeroporto. Se isso acontecer, não se preocupe, ele será devolvido quando você estiver indo embora dos Emirados no aeroporto. Eu mesma declarei o meu drone e ele ficou apreendido por lá até eu voltar e foi super tranquilo.
  • O país é islâmico e muito religioso, é proibido entrar no país com itens de cunho erótico. Tem alguns avisos no aeroporto, mas ai é meio tarde demais né? hahahaha Vimos um rapaz tendo a mala revistada e o item recolhido para ser destruído.
  • Pelo mesmo motivo não é permitido entrar no país com bebida alcóolica. Se a sua mala for revistada, a bebida será recolhida e destruída. Nós levamos 2 garrafas de vinho, porque não sabíamos disso, mas não tivemos a mala revistada. Não recomendo que levem para evitar constrangimento. Se você quiser, você pode comprar lá no freeshop mas só poderá consumir no seu quarto de hotel.
  • O dutyfree do desembarque de Dubai (que foi aonde eu desembarquei) é bem fraquinho. Se você quer deixar para comprar eletrônicos ou alguma coisa mais importante para você veja se não tem no seu dutyfree. Lá não encontramos nada do que estávamos procurando em termos de acessório para nossa gopro e eletrônicos. Por isso, vale a dica.
  • Bebidas alcóolicas só são servidas em lugares como hotéis e locais que tem autorização especial para isso. Portanto, esqueça tomar aquele vinhozinho gostoso no jantar, por que grande parte dos restaurantes (fora dos hotéis) não pode servir bebidas alcóolicas.
mesquita sheik zayed abu dhabi

A mesquita perto da hora do pôr do sol, quando as luzes começam a acender. Lindo demais.

COMBINE SUA VIAGEM COM:

  • Dubai: 1h30 de carro. (veja mais aqui)
  • Índia: 3h30 de vôo.
  • Turquia: 5h de vôo (veja mais aqui)
  • Doha: 1h de vôo
  • Sri Lanka: 4h30 de vôo.
  • Omã: 3h de carro.

Ufa! Acho que consegui passar tudo pra vocês. Espero que essas dicas e informações ajudem vocês a organizarem a sua viagem para Abu Dhabi e que vocês curtam tanto essa cidade deliciosa quanto eu curti. Mal posso esperar para voltar para Abu Dhabi para terminar de conhecer os locais que não fui e para curtir mais um pouquinho desse lugar tão diferente e encantador.

Se vocês quiserem saber mais sobre essa viagem super bacana que eu fiz, cliquem nos posts abaixo:

Se esse post te ajudou de alguma forma eu fico muito feliz em saber! =) Se você quiser retribuir a ajuda, basta reservar seus hotéis por esse link, comprar seu seguro saúde internacional por esse link, alugar seu carro por esse link e comprar seu chip internacional nesse link. Todas essas empresas são parceiras do blog e são empresas que eu uso nas minhas viagens. São empresas de absoluta confiança. Fazendo isso você gera uma pequena comissão para nós e não gasta nada a mais com isso. Essa é uma forma de remunerar o meu trabalho para que eu possa continuar conseguindo fazer posts completos, dicas e informação para vocês sempre. MUITO OBRIGADA! 

Viajamos em abril de 2019, sem a Vic.

Deixe seu Comentário
 
1 Comentário em "Abu Dhabi | Emirados Árabes"
  1. […] tambémvai gostarDestinosRally no deserto de DubaiAbu DhabiAbu Dhabi | Emirados ÁrabesBangkokBangkok | Tailândia Voltar para a Home Português English Español #goog-gt-tt […]

Voltar para a Home