Destinos, Koh Samui, Tailândia

Full Moon Party!

08 Maio 2013

Quando decidimos viajar para o sudeste asiático, em especial para a Tailândia algumas coisas passaram pela nossa cabeça foram: praia, relax, paraíso e Full Moon Party. Para conseguir conciliar as datas de toda a nossa programação com a data da festa tivemos que mexer um pouquinho na programação, mas valeu a pena!

Aproveitamos  que tínhamos 4 noites em Samui para colocar em prática nossa ida a festa. Ela acontece uma vez por mês (sempre em noite de lua cheia, obviamente) e atrai milhares (sem exagero) de pessoas para Ko Phangan (a ilha vizinha a Ko Samui). Em especial turistas (europeus) e alguns poucos locais. Vimos o dia que aconteceria a festa nesse site aqui e organizamos a viagem de forma que no dia da lua cheia estivéssemos em Samui e com a noite disponível para participar da festa.

coisas que amamos dicas de viagem full moon party tailândia2
Já em Samui compramos um “passe” em uma agência de turismo local que oferecia transfer do hotel para o píer + speedboat (ida e volta) para a outra ilha onde acontece a festa e depois transfer de volta para o hotel. Isso nos custou aproximadamente 800 bahts por pessoa (depois de alguma negociação). Pelo conforto e comodidade de não ter que se preocupar com transporte nem pra ir, nem pra voltar, valeu muito a pena. Até porque taxis não são tão baratos assim em Samui, então nem foi tão caro assim.

Uma van nos buscou no hotel na hora marcada e nos levou para o píer de onde saia o barco para Phangan. De lá pegamos a lancha (super rápida) e em 25 minutos e algumas ondas estávamos em terra firme prontos para a festa. Compramos nossa pulseirinha/entrada assim que saímos do barco (em frente ao pier mesmo tem uma bilheteria) e já entramos no clima da festa.

Assim que você entra no espaço da festa, você já começa a entender porque a festa faz tanto sucesso. Pra todos os lados que você olha, as pessoas estão bebendo e se pintando com cores super chamativas (vide foto), uma tradição super bacana da Full Moon. Você pode comprar as tintas em barraquinhas disponíveis por todos os lados. E se chegar lá sem a sua blusa fluorescente (outra tradição da festa), fique tranquilo, o que não faltam são lojas vendendo blusas coloridas para completar seu look Full Moon. Mas se você pensar assim: Pra que vou comprar uma camisa neon que eu nunca mais vou usar na vida? Por que ela não vai te custar mais do que R$10 e você vai amar entrar no clima e se “fantasiar” como todo mundo.

coisas que amamos dicas de viagem full moon party tailândia1

A bebida também é um item todo especial na festa. A bebida “tradicional” é o drink do baldinho. Você compra nas barraquinhas um baldinho (igual aqueles que crianças usam na praia – como os da foto) que vem com algumas bebidas dentro. A combinações do drink é você que decide. Vodka com Coca-Cola, Whisky com Redbull… Vc escolhe, coloca tudo no baldinho com gelo e bebe com vários canudos. O maior barato. E antes que vocês pensem qualquer coisa errada… A bebida não é adulterada e vem tudo fechadinho e lacrado. Você abre as garrafinhas na hora em que vai beber.

A praia toda é tomada por diversos bares que participam da festa. Em cada bar uma música, uma dança e uma tribo. A festa que um dia foi uma festa de música eletrônica, hoje toca um pouco de tudo. Ouvi até pop e rock em alguns dos bares que passei. A partir das 20h até a manhã do dia seguinte a música rola solta na praia.

Lembrem-se que a festa é na praia, com pés na areia, então não precisa preparar nenhuma grande produção. Coloque um shortinho, sua blusa neon e chinelos. E não esqueça de caprichar na pintura.

comissão booking hotel minicomissão real seguro minicomissão rentcars carro mini

Destinos, Koh Samui, Tailândia

Koh Samui | Tailândia

02 Maio 2013

Koh Samui é uma das maiores ilhas do Golfo da Tailândia e é uma boa opção para quem gosta de misturar natureza e cultura. Além de suas praias deliciosas, ela conta com diversos templos, cachoeiras, ringues de luta e ótimas ilhas vizinhas, que fazem da parada em Samui, parada obrigatória para curtir esse tipo de destino.

coisas que amamos dicas de viagem koh samui1

  • Como chegar

Por ser uma ilha grande Koh Samui tem aeroporto e isso é um super adianto na hora de organizar a sua viagem. O aeroporto, por sinal, é uma graça. Quem preferir pode ir de barco, mas honestamente não faço a menor idéia de como fazer isso. Como tinha pouco tempo e as passagens eram bem baratas, nem cogitei ir de outra forma.

Meu vôo era Phi Phi – Samui com escala em Bangkok. Lá trocamos de avião e pegamos um bem pequeno (de hélices) que nos levou para Samui. Foi um vôo tranquilo e super barato. Por isso eu realmente recomendo ir pra Samui de avião.

  • Como se Locomover

Alugando uma moto! Essa é a melhor forma de se locomover pela ilha. Apesar da ilha ser mão inglesa, acho que deve ser tranquilo dirigir do lado errado quando se es de moto. Eu não ando de moto e por isso não aluguei, mas ainda acho que é a melhor opção.

Acabei, por isso, andando bastante de taxi, mas não recomendo. Os taxis não tem taxímetro então você tem que negociar com o motorista o valor da corrida antes de entrar no carro. Se achar que vai ser enganado, pergunte no hotel o valor aproximado da corrida para ir de um ponto a outro. Os taxistas cobram pela distância e pela quantidade de pessoas no taxi.

Se você também não anda de moto e não quer gastar uma grana com taxi, pode pensar em alugar um carro. Lembrando que lá é mão inglesa e que o trânsito, apesar de não ser tão caótico quanto o do Vietnã, é um pouco confuso.

coisas que amamos dicas de viagem koh samui2

  • O que fazer

Em Samui você tem muitas opções de turismo. A mais comum e bacana delas é alugar uma motoca e conhecer toda a ilha.

Na ilha você tem alguns pontos bem famosos para conhecer. O que eu mais gostei foi o Wat Plai Laem, um mini “complexo” com dois budas liiiiindos. Além deles, visitei também o Big Buddha e o Monge Mumificado. O monge é bem bacana, especialmente depois de entender a história dele.

Essa parte religiosa/cultural é muito forte na Tailândia então não tem como ir a esses lugares e não visitar esses pontos. Mas pros que preferem belezas naturais… Além das muitas praias, Samui oferece também diversas cachoeiras escondidas no meio de seu terreno. Achei a água das cachoeiras muito escuras, talvez tenha sido a chuva da noite anterior, talvez elas sejam assim mesmo. De qualquer forma, pra quem ama natureza, acho que Samui é o lugar certo para visitar.

Fora da ilha você também tem muitas opções de passeios bacanas, o mais famoso é ir a Koh Tao e a Nangyuan Island, uma ilha particular pequenininha que reúne três pedaços de terra e um mar paradisíaco. Nada mal né? O lugar é realmente um paraíso. Para chegar lá você pode comprar um passeio em seu hotel ou em alguma agencia de turismo local o passeio. Eles normalmente incluem o transfer do seu hotel até o pier, a ida e volta de barco (speedboat) até a ilha, almoço e equipamento para snorkelling. Se você negociar também consegue um descontinho nos preços. Um passeio desse tipo custa aproximadamente 1200 bahts por pessoa.

Fora da ilha você também encontra o Angthong National Marine Park. Um local de preservação ambiental para fazer snorkelling e andar de caiaque. Ele funciona exatamente como o passeio acima. E honestamente?! Nem gostei muito. Acho que não vale tanto a pena assim.

Uma outra opção de passeio é ir conhecer a ilha vizinha Koh Phangan. Eu não fui durante o dia conhecer mas soube que tem praias bem bonitas por lá. As mesmas agencias ou o seu hotel podem organizar isso para você. Fui a noite para a Full Moon Party (post em breve)

Em Samui as lutas de Muay Thai ou boxe tailandês são muito comuns, quem tiver interesse em assistir eles promovem semanalmente “campeonatos” por lá. Os ingressos começam em 800 bahts e podem chegar a 1500. Como o “estádio” é pequeno, os ingressos mais baratos são bem bons, quase se igualando ao segundo melhor.

coisas que amamos dicas de viagem koh samui tailândia 3

  • Onde ficar

Essa é uma decisão difícil pois são muitos lugares lindos e muitos hoteis excelentes. Eu fiquei hospedada no Rummana Boutique Resort em Lamai Beach. A praia é linda e o hotel é maravilhoso, mas só recomendo ficar lá quem estiver alugando carro ou moto pois tudo é muito distante.

Acho que uma boa região para ficar é a de Bophu ou a de Chaweng. Se eu voltasse acho que optaria por uma dessas áreas para me hospedar. Optando sempre por um hotel bacaninha pertinho/de frente pro mar.

Algumas imagens do W Retreat Samui | Fotos: Booking.com

Se você puder investir em hospedagem, não pense duas vezes e escolha o Four Seasons, Belmond Napasai Samui ou o W Retreat, três dos melhores hotéis da ilha. Além deles, outros ótimos são: Anantara, Baan Haad, Bayan, The Library, Code, Deva, Lanna Samui e Bo Phut Resort & Spa.

comissão booking hotel grande

  • Onde comer

Por ser uma ilha maior e mais estruturada que a maioria, Samui oferece uma infinidade de bons restaurantes. Como acabei tendo muitos programas noturnos por lá , sai pouco para comer fora, mas tive a oportunidade de ir no The Cliff, que além de comida boa tem uma vista maravilhosa e comi também no restaurante do meu hotel (uma boa pedida para quem estiver querendo jantar em Lamai).

Soube que em Bophu e Chaweng você vai encontrar outras opções bem bacanas de restaurantes. Procure no aeroporto ou no seu hotel um guia com os melhores restaurantes da ilha, ele será útil pelo menos para dar o pontapé inicial na hora de escolher o que você quer.

Acho que agora vocês já conhecem melhor a ilha e já podem começar a preparar o passeio por lá. É um lugar muito bacana que apesar de “grande” ainda é muito pequeno com relação as praias de capital que temos aqui no Brasil. Se tiverem alguma dúvida é só deixar ai nos comments que eu vou respondendo.

comissão booking hotel minicomissão real seguro minicomissão rentcars carro mini