Argentina, Destinos, Ushuaia

Ushuaia | Argentina

30 Maio 2011

Fim do mundo. Quem nunca ouviu alguém dizer esse termo? Pois é, Ushuaia é isso: o fim do mundo. E não, não pensem que estou fazendo uma crítica, é assim que eles mesmos se auto-denominam. Ótimo marketing. Afinal, quem é que não quer conhecer o fim do mundo. Agora, deixe-me explicar a origem do termo. Ushuaia é dita como fim do mundo por ser a cidade mais austral (ou seja, mais ao sul) do mundo. Nenhuma outra no mundo inteiro está mais perto da Antártida do que a pequena Ushuaia.

Uma cidade com aproximadamente 70 mil habitantes cercada de montanhas (lindas e nevadas) por quase todos os lados. A sua frente, ela tem o famoso Canal de Beagle e ao lado parte da Cordilheira dos Andes. Chato né?! E foi essa cidade a minha segunda parada na Patagônia Argentina.

Onde ficar

Acho que os melhores hotéis por lá são: o Los Cauquenes, o Arakur  e o Los Yamanas. O Las Hayas é no alto da Montanha, meio afastado mas é bacaninha. Um que é super queridinho pelos brasileiros é o Tierra Leyendas. Dos que ficam no centrinho acho o Tierra Mística, o Canal de Beagle, o Lennox e o La Vela bacanas e tem ótimas avaliações na internet.

comissão booking hotel grande

Passeios

Cidades pequenas quase não tem coisa para fazer né!? Ai é que você se engana. Ushuaia tem bastante coisa para fazer, mas são programas calmos, lights e ótimos para quem está de férias querendo descansar, curtir uma paisagem incrível, comer bem e namorar um pouco.

Navegação pelo Canal de Beagle: Esse é o carro chefe da cidade. Todos querem conhecer o farol e ver as ilhas dos leões marinhos, dos pássaros e dos pinguins. E é um passeio super lindo que vale a pena fazer. Quem quiser um pouco mais de “emoção” pode procurar pelo passeio a pinguinera. Nele você pega um barco para a ilha dos pinguins e desce por lá podendo andar no meio dos bichinhos. Esses passeios você consegue comprar no porto da cidade (que é da onde os barcos saem!).

Trem ao fim do mundo: Honestamente... boring! Dormi num trecho do passeio de trem. Ele vai muito devagar e não tem muita paisagem pra mostrar, mas é aquela coisa, já que tá na chuva se molha. Não ia perder o 2º passeio mais famoso da cidade. O trem percorre um pequeno trecho (de aproximadamente 1 hora) do Parque Nacional e depois você tá liberado pra passear por lá. Eu fiz isso com uma mini excursão que comprei na cidade e achei que valeu a pena por que não tive que fazer tudo a pé.

Glaciar Martial: Essa é uma das montanhas que fica atrás da cidade, e fora da temporada de inverno, você pode subir caminhando ou pelo teleférico e encontrar um antigo Glaciar. Não suba achando que vai encontrar uma geleira, não é isso. Hoje não tem nada a não ser o encontro de três montanhas e uma vista deslumbrante da cidade. A geleira derreteu há tempos. Esse passeio é grátis. Você pode pegar um taxi até a subida do cerro e de lá faz tudo a pé por conta própria.

Lagos Fagnano e Escondido: Esse passeio é um passeio tranquilo também. Dura meio dia e termina num restaurante delicinha com vista para as montanhas nevadas. Lindo e muito gostoso. Nas agências de turismo da cidade você pode comprar esse, ou a versão radical dele, que é um passeio de dia inteiro e envolve um jipe 4×4, canoagem num dos lagos, trekking e parece ser muito divertido (queria ter feito esse).

BÔNUS! Sobrevôo na cidade: Ok, esse aqui é um super bônus. Procurando um passeio diferente para fazer descobri esse passeio de avião pela cidade. Uma agência na cidade vende e o preço é até bem acessível se comparado com outros passeios. Paguei U$85 para 1 hora de vôo, passando pela cordilheira dos Andes, Lagos Fagnano, Escondido e Esmeralda (que só pode ser avistado de cima e é lindo), Glaciar Martial, Estância Haberton, Canal de Beagle, Farol, Ilhas dos Pinguins, dos pássaros e dos leões marinhos e ainda sobre a cidade. Ufa! Adorei o passeio e recomendo muito. Ah! O avião é micro, e só cabem 3 pessoas além do piloto. Quem tem muito medo pode repensar um pouco por que o avião dá uma balançadinha, mas nada que não possa ser superado ao admirar a vista lá de cima.

São muitos passeios e consequentemente a fome é grande depois de conhecer tantos lugares novos. Em Ushuaia, a comida típica é a centolla (um caranguejo gigante) e a merluza negra (um peixe branco de águas profundas). Ambos maravilhosos em todos os lugares que você come, mas experimentei alguns restaurantes que recomendo:

Tia Elvira: Comida deliciosa. Os frutos do mar são a especialidade. Dizem que a Centolla deles é a melhor da cidade. Não sei, eu comi peixe mesmo. Fica na rua do Canal e está sempre cheio. Não é dos mais caros, nem dos mais baratos.

Bodegón Fueguino: Restaurante bonitinho na rua principal. Comida incrível e preço bom. Sugiro a carne com molho de cogumelos e batatas quadradas. Comi esse prato e só de lembrar já estou com água na boca. Uma maravilha. Evite as massas.

Tante Nina e Tante Sara: Tem vários desses espalhados pela cidade. Comi no Tante Nina num jantar com vista para o Canal de Beagle. E no Tante Sara, fiz um lanche que estava delicioso.

Restaurante do Hotel: Ai, falha nossa, esqueci o nome. Na rua do Canal tem um hotel grande e chique que tem uma H. Stern na entrada. Esse hotel tem um restauramte mais chiquinho que é maravilhoso. Comi risoto e centolla e estavam super caprichados e gostosos.

Compras!

Podem começar a se coçar. Ushuaia é o paraíso das compras, da zona franca, do tax free, das bugingangas eletrônicas e dos enfeites náuticos. TUDO na cidade pode ser comprado sem imposto, consequentemente os preços são sim mais baixos do que aqui e pouca coisa mais baixos do que em Buenos Aires.

Peças em lã e couro, chocolates, eletrônicos e muitas roupas de invernão. Isso tudo você encontra por lá com preços relativamente bons. Eu não fiz compras, na verdade não comprei nada, só uma misera meia de lã (também não sei o que aconteceu comigo!), mas aparentemente é um bom lugar para compras. Na rua principal tem uma loja que chama Duty free ou Free Shopping que vende perfumes, maquiagens, relógios, tudo com preços bons. Vale fazer um comparativo com os preços do FreeShop do aeroporto.

Basicamente Ushuaia é isso. Uma cidade bonita, para comer bem, relaxar, beber vinhos e cervejas variadas, passear e curtir uma paisagem linda e totalmente diferente da que estamos acostumados aqui no Brasil. Eu adorei!

comissão booking hotel minicomissão real seguro minicomissão rentcars carro mini